Sunday, January 22, 2017

Um dia de Domingo








E domingo veio enroscar-se no interior da casa, de mim, na veemência de Janeiro. Pequeno almoço, tardio, na manhã calma.

De novo, o canto mais íntimo. E falo de mim, das coisas que faço, dos lazeres preguiçosos. Como este de domingo.

Dia de sol. Lindo. Céu azul límpido. Muito frio, lá fora. Abro as janelas para expirar profundamente. Zen. Mas depressa me retiro, Um arrepio de frio. Estremeço.

Um pouco engripada, conservo-me quente. Camisola confortável. Uma manta acolhedora. Faço um café bem aromatizado. Pego num livro.

Dia de preguiça lânguida, um jeitinho de fazer pouco, invento paisagens pelas palavras que leio.





Collateral Beauty
David Frankel/ Allan Loeb, 

E solto-me até outras imagens. Vêm de mansinho, algumas passagens do filme que ontem vi. Beleza Colateral. Três conceitos abstractos dão mote a uma história de vida. Um filme dramático com um pouco de magia. 

Tempo. Amor. Morte.

Beleza Colateral aborda uma temática muito difícil. No entanto, de forma delicada. Mostra-nos a tristeza e a dor profundas. Mas também a beleza que podemos ver em tanta coisa à nossa volta.

Sugere outras emoções. Alegria? Deixa uma boa mensagem. Esperança.

O dia está frio. Repito. Aconchego a manta, no sofá. 

Escolho o Tempo, hoje. E a beleza de ter este dia.


Miosótis (pseudónimo)

22.01.2017
Copyright ©2017-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com® 


Monday, January 02, 2017

Herança de vida






credits: Christian Schloe

Aqui está minha vida.
Esta areia tão clara com desenhos de andar
dedicados ao vento.
Aqui está minha voz,
esta concha vazia, sombra de som
curtindo seu próprio lamento
Aqui está minha dor,
este coral quebrado,
sobrevivendo ao seu patético momento.
Aqui está minha herança,
este mar solitário
que de um lado era amor e, de outro, esquecimento.

Cecília Meireles, Aqui está minha vida



Quero então uma herança diferente. Areia clara, sim, com desenhos de andar de andar dedicados ao oceano. Gosto da brisa com cor de água-marinha. 

Voz sem tantos lamentos. Mágoa(s) de coral quase perfeito. E poucos momentos patéticos.

Quero uma herança mais leve. Menos solilóquios. Quero começar outros dias. De serenidade. Fruir dos aromas que envolvem a vida. 

Possa eu encontrar a paisagem quase perfeita para continuar. 

Pacificada, serena. Evitar o desassossego. Colorir o pensamento com aguarelas de momentos mais doces. Ternura. 

Um mar menos solitário. 
Ânimo para todos os afectos.

"Com as coisas que vão acontecendo vamos aprendendo que nada é impossível de solucionar, apenas siga adiante."

Papa Francisco


Miosótis (pseudónimo)

©glosa sobre poesia de Cecília Meireles

04.01.2017
Copyright ©2017-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®