Sunday, January 30, 2011

Memória presente : Holocausto




Buchenval Camp
Jens Mayer/ AP Germany
"Denying historical facts, especially on such an important subject as the Holocaust, is just not acceptable."
UN Secretary-General Ban Ki-moon, 14 December 2006

Em 1 de Novembro 2005, a Assembleia-Geral das Nações Unidas estabeleceu o dia 27 de Janeiro como o "Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto"

Assinalou-se assim há três dias o "Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto" que coincidiu com os 65 anos sobre a libertação do campo de extermínio de Auschwitz.


Estima-se que seis milhões de pessoas tenham sido exterminadas na Europa durante a Segunda Guerra Mundial, sob o regime hitleriano. Será talvez o momento mais lancinante da História Contemporânea da Humanidade.

O papel da mulher judia forçada a adaptar-se e a encontrar estratégias para tentar manter as suas famílias unidas, em condições muitas vezes, impossíveis, poderá ler-se neste estudo, baseado nos testemunhos de seis mulheres sobreviventes.



Women and the Holocaust
Courage and Compassion

Para os mais interessados, fazer download do documento aqui

Este tema da mulher foi tratado no cinema com muita sensibilidade e realismo por Alan J. Pakula no filme Sophie's Choice (1982), filme baseado no livro de William Styyronn como o mesmo título.  Uma interpretação angustiante de Meryl Streep.




E falando da mulher judia... este parece ser o ano de Natalie Portman, a actriz israelita. 

Depois de ter recebido o 'Globo de Ouro' de Melhor Actriz Dramática no dia 16 Janeiro, pelo seu desempenho em Black Swan, foi nomeada, no dia 25 Janeiro, para o 'Oscar de Melhor Actriz' no mesmo filme. 

A dedicação e o enfoque total na carreira de actriz dramática são evidentes desde o primeiro trabalho (1994) de Natalie Portman para o cinema pela mão de Luc Besson.

Interpretou Anne Frank numa adaptação teatral The Diary of Anne Frank apresentada na Broadway em 1997.


Natalie Portman/ Black Swan

Para este filme Black Swan, Portman viveu intensamente a sua personagem de uma bailarina obcecada pela perfeição. Perdeu mesmo 10 quilos de tanto ensaiar com o bailarino e coreógrafo Benjamin Millepied, do 'New York City Ballet.'


Este é também o ano da sua primeira gravidez e do seu próximo casamento com mesmo bailarino.

Factos e pessoas que se entrelaçam dando mais sentido ao não esquecimento.




Miosótis (pseudónimo) 

fragmentos da noite com flores, em jeito de homenagem

30.01.2011
Copyright ©2011-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Licença Creative Commons


6 comments:

DarkViolet said...

Nestes últimos dias tenho visto algumas imagens sobre a segunda guerra mundial em todas as suas vertentes. Naquelas que disseste é das formas mais terríveis de encarar o Ser humano como lixo. Os bagões dos comboios cheios de terror, a sentir o último fôlego do desespero. O odor de medo que transpira em cada foto desaba certas esperanças, como essa da entrada do campo de concentração. Tudo aberto ao terror.
A mulher nas guerras é aquela que sofre mais, juntamente com as crianças. A humanidade devia nunca mais cair nestes erros, mas após a segunda guerra mundial existe múltiplos exemplos que ainda não aprendeu.
Quando vi o Cisne Negro fiquei sem saber o que é real e o que não é. É como na realidade, anda tudo camuflado...

heretico said...

comovente homenagem. para que a Humanidade não esqueça.

grato.
beijos

Virgínia do Carmo said...

O Holocausto é talvez o momento histórico que mais me atormenta, porque me é dor mas, sobretudo, incompreensão...

Obrigada por nunca esqueceres o sofrimento da Humanidade :)

E já agora, acho que seria justo se Natalie Portman ganhasse o Óscar!

Um grande beijinho, Miosótis!

Miosotis said...

... as tuas palavras são de impressionante descrição do que pode ter sido a vida de tantos milhares de pessoas, todas as idades :(

Pareceu-me impossível deixar passar este 'dia de memória' sem escrever sobre... e tentei dar o meu humilide contributo neste 'não esquecimento'...

Infelizmente, como bem alertas, atrocidades semelhantes se vêm repetindo, todos os dias :(

Ainda não vi 'O Cisne Negro' (talvez para a semana)... mas vou ficar atenta às tuas 'impressões', Dark_

Miosotis said...

... não seria eu, se permanecesse em silêncio...
Mas a Humanidade não vai esquecer!

Beijo 'Herético'

Miosotis said...

... também tenho esses sentimentos de tristeza e de incompreensão perante tão grande atrocidade, Virgínia :(

Cada um de nós sente a dor dos outros pela sensibilidade que norteia nossos actos...

Quase diria que Portman vai ganhar o 'Oscar' ! É o seu ano :)
(muita luz tem por si)

Não fui ver, ainda! Só os trailors na internet, mas não perderia! Adoro dança, e acho que deve ter uma excelente interpretação!

Sensibilizada pelo carinho!
Um beijo grande