Saturday, October 14, 2006

A Senhora da Água : filme




Lady in the Water
http://www.imdb.com/

Falar de um filme tem sempre uma conotação muito subjectiva. Cada um de nós é uma voz que passa muito mais pela estética do sentir do que pela razão do conhecimento.

Quando vi o trailler, fiquei atenta ao recente trabalho cinematográfico de M. Night Shyamalan - Lady in the Water

Outros filmes deste escritor/realizador me detiveram - Sinais (2002), A Vila (2004), ou Sexto Sentido (1999), este incondicionalmente! Portanto, um realizador com uma sensibilidade muito especial.

Acredito pelo pressentir de alma que não estamos sós... e que temos que abrir o nosso universo a outras realidades cósmicas.

Desta vez, Shyamalan (personagem no seu próprio filme) parte de uma história de adormecer, inventada para seus filhos recontada pela voz de uma senhora chinesa e que percorre muitas referências de lendas célticas e nórdicas - a tradição dos povos é universal - miscigenação de ninfas, brumas, ambientes aquáticos, seres fantasmagóricos saídos do verde das florestas , dos bosques ou das águas e que vêm ao encontro de seres com capacidades extra-sensoriais. Aqui, o zelador de um condomínio!



Lady in the Water | Paul Giamatti

É um filme-metáfora onde se entrecruzam as várias vertentes da solidão urbana, e por isso se torna mais clarividente a vinda de uma ninfa a este ambiente tão despido de sentimentos de partilha.

Regra geral, os condomínios são sítios bastante solitários, homens e mulheres vivem paredes meias como referências quase invisíveis, trespassados por olhares distantes, frios ou distraídos.

É precisamente este espaço vazio do calor humano que vai transformar-se em espírito comunizado de entreajuda.

O zelador, que normalmente se restringe a gerir espaços comuns, percorre aqui solícito, os apartamentos, conversando com os inquilinos, apoiando ao mesmo tempo nas pequenas tarefas todos os que aí vivem.

Portanto, a personagem ideal para servir de receptor e retransmissor, ligando, humanizando, os condóminos à ninfa portadora de uma mensagem.


Terminada esta missão, ela deve agora regressar ao seu universo marinho, já que escolhida para reger os destinos de seus pares.





A Senhora da Água |Lady in the water

Mas eis que esta ninfa-rainha se apresenta imbuída de fragilidades humanas, tão carenciada de afectos e submersa de medos como qualquer um dos seres que se unem para a apoiar no seu retorno.

Uma narrativa que encerra uma mística incondicional e irrefutável: não há actos isolados. Cada acção individualizada tem incidências em todo o Universo e seus habitantes.

Uma narrativa visual a reter, pelo maravilhamento, embora com rupturas - o monstro vindo do bosque é pouco convincente e demasiado artificial, bem como o pássaro transportador da ninfa-rainha - mas que nos transporta a outros momentos da nossa existência, num percurso peregrino de passados sentires.


Paul Giamatti, uma palavra de apreço para um actor sempre surpreendente, numa excelente interpretação, como zelador sensível, afectuoso e silencioso sofredor.

Composições de James Newton Howard, quatro covers de Bob Dylan interpretações de Amanda Ghost, Whisper in the noise e Silvertide fazem a excelente banda sonora do filme!

Um filme que nos leva a questionar a nossa missão...

"When a door will open to others worlds... others wil come!"


Miosótis (pseudónimo)

fragmentos da noite, Every Grain of Sand, Amanda Ghost, (banda sonora original)


15.10.2006
Copyright ©2006-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Licença Creative Commons

35 comments:

JL said...

Fiquei com vontade de ver. O texto está bonito!
Boa semana

Sereia Azul* said...

Sem dúvida será o meu próximo filme...tem tudo a ver com os meus gostos, com os meus sentimentos.
Obrigada pela dica!

Uma brisa de mar no teu coração...

Sereia Azul*

BlueShell said...

Não vi!


Um beijo terno de uma concha cheia de gripe!
BShell

Spells said...

M. Night Shyamala é sem duvida um dos grandes mestres dos filmes misteriosos, já vi todos desde "Sexto sentido" até á "Vila"... só pelo realizador já era "obrigado" a ir ver, depois o trailler tb chama a atenção... mas uma das coisas que estou curioso de asistir é o desempenho de Paul Giamatti... filmes como "Cinderella Man, Sideways, este último especialmente adorei... enfim, estão reunidos muitos factores para mais um excelente serão... Eu vou ver de certeza!! Beijinhos

nc

Imhotep said...

Sem dúvida alguma uma película excelente: envolvente, cativante, que nos relembra artes que tendemos a esquecer nos tempos que correm.

O sonho comanda a vida!

P.S. - Tens andado ausente... como estás, amiga?

M.

sadsadkitty said...

Ando para ver este filme... obrigado pela 'espreitadela'

Tacitus said...

Por vários motivos, ultimamente ando um pouco afastado do cinema. Mas o teu texto deixa sempre água na boca para ver determinadas películas.

Obrigado pelas visitas e sobretudo a leitura, atenta, de certas sensações ;)

Boa semana e só um aparte: ainda não consegui encontrar" Os Olhos da Testemunha" em nenhum Clube de Vídeo" :(

arturibeiro said...

Misotis:

Não será porventura este o melhor local para lhe agradecer em nome de todos e do fundo do coração as sábias palavras que trouxe ao nosso blog (luzes-amarelas.blogspot.com), mas um agradecimento caí bem em qualquer lado. Especialmente quando pretende elogiar alguém pela sua atenção e pelo seu estender de mão.

Muito reconhecido.
Nossa casa, sua casa.

Tiago said...

M. Night Shyamalan, apresenta-nos sempre historias fantasticas, envolve-nos no seu imaginario e por ele somos arrebatados. Ainda nao vi o filme, mas a julgar pela critica (o teu post) fiquei com mais vontade de o ver.

bjs
Tiago

Miosotis said...

Sensibilizada pelo comentário, jl!

Boa semana!

Miosotis said...

De nada, 'sereia azul'... estarás entre teus 'pares' :)

bjs

Miosotis said...

BShell... recupera rápido dessa gripe para ir assistir numa sala de cinema :)

bjs afectuosos de uma flor miosotis a tentar resistir aos ventos invernosos...

Miosotis said...

Sem dúvida, há imensos aspectos importantes q nos levam a querer ver este filme, Nino!

Independemente dos 'críticos', eu vou pelo meus 'feelings'... eles me conduzem aos filmes ou livros q falam de perto à minh'alma.

Bom filme!

bjs

Miosotis said...

De nada 'sadsadkitty' :)

Um filme em q o espírito de entreajuda está tão presente! E os afectos vários!

Vais gostar, e sair mais 'clara'... tu entendes!!

bjs

Miosotis said...

Cativante pelas imagens e pela mensagem...

"O sonho comanda a vida!"... às vezes paramos de sonhar, .:M:.

P.S. - Tenho andado igual a mim própria, amigo! Meditativa...

Miosotis said...

É com mt prazer q visito o teu espaço, Tacitus! Embora o tempo seja menos...

Mas qd visito, leio atentamente! Gosto de entender o q fica implícito... sou mt atenta às peq. coisas do todo q é cd ser humano e especialmente um amigo.

Boa semana!

P.S. Q pena! Sei q irias gostar mt, e por vários aspectos! É un filme marcante!
Quem sabe se um dia destes ñ encontras?!?

Miosotis said...

Bem-vindo ao meu espaço de alguns sentires, Artur!

As boas intenções, os sentimentos puros q por vezes tb são afectos ñ precisam de agradecimento :)

Mt sensibilizada pelo olhar poisado neste meu espaço de alguns sentires.

Tb terei mt gosto em lê-lo por aqui... sp q queira!

Miosotis said...

Tiago, ñ sou uma 'crítica' apenas uma pessoa/flor q adora cinema e q dp transmite o q seus olhos vêem e sua alma sente...

Tu me dirás o q captou a tua sensibilidade!

bjs

MiguelGomes said...

Ainda não vi... Confesso que me interessam os temas... Mas ainda não deu :)

Fica bem,
Miguel

Cris said...

Eu vi!!!! E fiquei sem palavras, perdida, encantada, surpreendida, beleza extrema, crueldade, amizade, amor imaculado, união, solidariedade... É uma história de embalar, divinamente contada e passada à tela...

LINDO! É outra dimensão, outro sentido de vida.

Å®t_Øf_£övë said...

Miosotis,
Grande parte das vezes, estes filmes metafóricos conseguem dar-nos grandes lições de vida. Pelo que tu dizes este também parece enquadrar-se nesse estilo.
Bom fds.
Bjo.

Chuva said...

Tenho que ver!!!


Chuviscos!!!

Miosotis said...

Suponho q vais gostar... pelo q leio em teu espaço.

Sensibilizada pelo olhar poisado aqui.

Bom f-s!

Miosotis said...

O comentário/agradecimento anterior é para Miguel.

Miosotis said...

Sem dúvida Cris! Outra dimensão q os Homens teimam em ignorar :(

Q bom que tenhas gostado!
É um filme de encantar pela esperança q transmite...

Bom f-s!

Miosotis said...

Sem dúvida, Art! Há autores/realizadores q continuam 'teimosamente' [no bom sentido] a passar-nos imagens de esperança e alerta!

Este é um deles!

Mt sensibilizada pelo teu cuidadoso olhar em meu espaço.

Bom f-s!
bjs

Miosotis said...

Bem-vinda, Chuva a este meu espaço!

Acho q ñ deves 'perder'...

Em lugar de 'chuviscos' deixo-te um pouco de azul.

MH said...

A apresentação do filme perturbou-me... Fiquei com grande vontade de o ver, mas não vou sozinho :P Livra! Isso é que era bom:)

Daniel Aladiah said...

Ese assim é, vale a pena.
Um beijo
Daniel

Louco de Lisboa said...

Olá menina... já aqui tinha estado, mas por não ter visto o filme não me pronunciei, volto e mantém-se o post... assim não, tenho que escrever umas letras para te deixar um KISS.

Até outro instante!

Miosotis said...

Bem-vindo Mário a este espaço!

Acho q ñ precisas temer nada... podes perfeitamente ir sozinho, a ñ ser q gostes de 'companhia' para conversar dp do filme :)

Mt sensibilizada pelo teu olhar aqui poisado.

Miosotis said...

Há mt ñ poisavas teu olhar neste espaço, Daniel!

Mt sensibilizada!

bjs

Miosotis said...

Pois é 'louco de lx'... ando mt 'silenciosa'...

Mt sensibilizada pelos teus olhares atentos.

bjs

Bitchoman said...

Se já tinha vontade de o ver....bjnhos!

Miosotis said...

Fico então à espera de tuas impressões!

bjs