Saturday, October 20, 2007

Meditações




Apparition of the Visage of Aphrodite of Cline in a Landscape
Salvador Dali 1981






(...)
Quero ter pensamentos que me cheirem a lenha

Esfregar o espírito em plantas aromáticas

Uma alma com pétalas guerrilheiras selvagens (...)

Natália Correia, Cântico do País Imerso, O Sol nas Noites e o Luar nos Dias, Projornal, Março 1993


Miosótis (pseudónimo)

fragmentos da tarde, em jeito de olhar medidativo

20.10.2007
Copyright ©2007-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®  


26 comments:

DarkViolet said...

Vem aí o frio. Juntas um pouco de castanhas e vais ver como a fogueira tem um melhor odor..(nao sou grande apreciador de castanhas)

Miosotis said...

Sim... para grande pena minha, vem aí o frio, 'Dark_'!
E vai doer muito mais, depois de um Outono tão doce, este sabor a Verão!

Eu, pelo contrário, adoro castanhas! E então assadas! Uma autêntica delícia!

Bem, o texto é bem mais 'intimista' do que essa tua interpretação!
Mas como te conheço... sei que gostas de desfragmentar qualquer indício de ternura!
Lá por dentro, pressinto que não és assim!

Sensibilizada pelo teu olhar em 'fragmentos'!
Bom resto de domingo!

Daniel Aladiah said...

Meditações artísticas e de muito bom gosto...
Um beijo
Daniel

Metamorfose said...

7 Dias

7 Imagens

7 Palavras

7 Emoções

7 Sentires

7 Paixões

7 Contradições

Espero-te em metamorfoses 7

Um beijo de sentir em 7

Miosotis said...

Oh! Daniel, tenho andado bastante arredia do espaço e de escrever.

Não é que não sinta a falta... embora seja certo que atravesso uma fase de introspecção 'complexa'!

Sensibilizada pelo teu afectuoso olhar!
Um beijo

Miosotis said...

7 um número que gosto, 'Metamorfose'! Tem uma simbólica forte, que vem de tempos imemoriais!

Sem saber explicar, pressinto que te conheço de outro nome e de um outro espaço!

Lá irei visitar-te em 7!
Um beijo

herético said...

como são belas tais "pétalas guerrilheiras"! ...

Anonymous said...

talvez já tenha, esse querer. Ou talvez não. Bonita a nova foto, menos luminosa, como a época que atravessamos.

uma boa semana

Miosotis said...

'Herético', é sempre com alegria que leio teu olhar aqui poisado! Muito sensibilizada!

Natália Correia tinha mesmo essa alma livre, poética... de 'pétalas de guerrilheira' feita!

Miosotis said...

Anónimo'... não sei a que 'querer' te referes! Ou a quem...

A foto é menos luminosa?! Talvez!
É sem dúvida de maior introspecção do que a anterior [se é a essa outra que te referes!]

Os tempos deixaram de ser tão claros...

Sensibilizada pelo olhar poisado em 'fragmentos'!

un dress said...

ah sim

... que tudo se toque!!!






beijO

O Profeta said...

É uma fantástica obra de Dali, maravilhosamente embrulhada nas tuas palavras...

Doce beijo

Anonymous said...

.."QUERO ter pensamentos que me cheirem a lenha"...

TINTA PERMANENTE said...

Natália com aromas de Outono...
Sempre poesia!
Abraço.

EROS said...

Um viva a Natália Correia, minha contemporânea.
Um beijo!

Metamorfose said...

Palavras de Natália, grande poeta, grande mulher. Dali, nem tenho palavras para falar da sua obra.

Beijinhos.

herético said...

beijo

Miosotis said...

Pela sensibilidade... tudo se toca,'un dress'!

Um beijo

Miosotis said...

É uma obra que deixa uma imensa margem à nossa criatividade introspectiva, 'Profeta'!

Sensibilizada pelo olhar tão afectuoso!
Um beijo

Miosotis said...

Eu adoro o aroma da lenha numa lareira acolhedora, 'Anónimo'!

Sensibilizada pelo olhar poisado!

Miosotis said...

Talvez, 'tinta permanente'... talvez eu tenha 'pressentido' os aromas do Outono! Daí, escolher estes versos de Natália!

Sensibilizada pelo olhar poisado!
Um abraço

Miosotis said...

Natália é intemporal, 'Eros'!

Sensibilizada pelo olhar poisado em 'fragmentos'!
Um beijo

Miosotis said...

São dos enormes vultos dos sentires, 'Metamorfose'!

Sensibilizada pelo olhar poisado em 'fragmentos'!
Um beijo

Miosotis said...

Muito sensibilizada, 'Herético'!
Um beijo

Mateso said...

Natália e recortar preciso da palavra. Sempre belo.
Lindo. ostei.
Bjs.

Miosotis said...

Natália escreve com uma sensibilidade que poucos conheceram, 'Mateso'!

Sensibilizada pelo teu olhar poisado em 'fragmentos'!
Um beijo