Sunday, July 05, 2009

Farrah Fawcett: tributo








Farrah Fawcett
http://www.newsweek.com

"Eu sempre acreditei que o optimismo era uma necessidade. Então, durante a dor que eu sofri com a radio e a quimioterapia, eu olhava para o futuro."


Farrah Fawcett

Farrah Fawcett morreu no mesmo dia em que Michael Jackson. Mas, pouco ou nada se viu ou ouviu falar desta mulher que lutou heroicamente para combater a terrível doença que a afectou. Umas notícias curtas e fugidias.


Penso que quem a lembrou com mais amizade, nesse dia mesmo, foi o entretainer norte americano Larry King quando comentava a morte de Jackson.


King chamou à atenção para o esquecimento que os media estavam a fazer da morte desta actriz.




Farrah FawcettKate Jackson, Jaclyn Smith
'Charlie's Angels' 

Fotografia: Mathews/FilmMagic
http://assets.nydailynews.com

Um dos mais célebres trios de actrizes, série "Anjos de Charlie " aqui numa fotografia em 2004.




Farrah Fawcett

Foto: Hulton/Getty Images
http://assets.nydailynews.com


Depois de assistir ao documentário real da luta e da dor, filmado por Alana Stewart, que seguiu e acompanhou, em cada minuto, a vida de Farrah durante os dois últimos anos e meio da vida desta mulher corajosa, fiquei com uma profunda admiração por este ícon da beleza dos anos 70.

A coragem de mostrar tão desnudadamente os momentos mais penosos da sua luta contra o cancro, em condições tão fragilizadas, deixa-nos emudecidos!




"O dia não quebrava os sonhos, podia-se dormir de olhos abertos, e a vida gozoza e fácil como o jogo e o sonho. Podiam-se abrir os braços e gritar: Eu vivo" (...)

Teolinda Gersão, A Árvore das Palavras, edição especial, Dom Quixote, 1997


Miosótis (pseudónimo)

06.07.2009
Copyright ©2009-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Licença Creative Commons

fragmentos da noite com flores, num tributo comovido, para continuar aqui


6 comments:

heretico said...

intensa. vibrante.bela e... humana!

gostei muito,

beijo

Mar Arável said...

Apreciei o seu apontamento

Uma bela memória

Miosotis said...

... sabes que não tinha grande apreço por esta actriz!?

Depois de ver o filme dos dois últimos anos da sua vida, senti-me pequenina' :(
Tal sofrimento físico, tal coragem psicológica! Tal desnudar... comovidíssima :(

Um beijo, 'Herético! Sensibilizada!

Miosotis said...

... depois do que vi, um preito simples, mas muito sincero, comovido!

Sensibilizada, 'Mar Arável'!

Å®t Øf £övë said...

Miosotis,
Esta foi mais uma terrivel, cruel, e dolorosa perda para o mundo das artes.
Bjo.

Miosotis said...

Fiquei profundamente comovida quando, ao fazer 'zapping' deparei com o filme feito sobre todo o seu sofrimento e coragem :((

Um beijo, 'Art'_
... a vida é um sopro de nada...