Monday, July 29, 2013

Uma tarde de domingo : O Último Samurai




The Last Samurai, 2003

The Last Samurai, (2003) o filme que preencheu uma pausa da minha tarde de domingoO dia apresentava-se fresco, e nada melhor do que render-me ao conforto do sofá e deixar-me seduzir pela banda sonora de Hans Zimmer num épico que retrata a cultura japonesa de uma época. A ética dos Samurais.

"Courage. Loyalty, Honour"

Impossível não rever! Não sei quantas vezes já o vi em televisão, depois de o ter feito numa sala de cinema (2004) que fez jus à grandiosidade deste filme. Um retrato romântico da dizimação da cultura e valores dos últimos Samurais num Japão que ansiava pela modernidade.



Tom Cruise 
The Last Samurai (2003)

A banda sonora, os valores da lealdade de tradições de uma cultura impregnada de honra e dignidade, a magia de doces afectos vivenviados pela interpretação fabulosa de Tom Cruise.

O Último Samurai teve quatro nomeações para os Oscars, três nos Golden Globes, uma das quais para Tom Cruise como Melhor Actor, consgrado nos MTV Movie Awards, e distinguido numa extensa lista.

Curta sinopse: 

Após o regresso do jovem Imperador ao poder central no Japão, o governo passou a contratar generais e engenheiros ocidentais para treinar e equipar o seu exército contra os Samurais (Restauração Meiji). 



The Last Samurai (2003)

Durante sua estadia entre os Samurais, o capitão Nathan Algren acaba, aos poucos, por se apaixonar pela cultura e valores dos Samurais e passa a apoiá-los contra as Forças Imperiais e a ocidentalização desenfreadada do país.

Os japoneses afirmam que Saigo Takamori, morto aos 50 anos, em 1877, foi o último Samurai, o último grande mestre-de-armas que, com a espada na mão, lutou até à morte para preservar os fundamentos marciais da casta guerreira.

A ética do Bushido, o código do guerreiro que ele representava, estava para desaparecer na avalanche da modernidade.


The Last Samurai, 2003

Aos olhos do povo, porém, que lhe admirava a bravura e a dignidade, sacrificou-se como um herói na defesa da Kokutai, a originalíssima cultura dos japoneses. Por isso até hoje a sua estátua continua no 上野公園 - Ueno Park de Tóquio.



The Last Samurai, 2003

Pela esplêndida banda sonora de Hans Zimmer, pela beleza e serenidade das imagens em tempo de acalmia - um contraste brutal, a batalha final-, pela simbologia das cerejeiras, recomendo.

"The perfect blossom is a rare thing. You could spend your life looking for one, and iy would not be a wasted life."

Katsumoto, The Last Samurai

Um encantamento para o olhar, um refúgio para a alma, uma história profundamente sensível, banda sonora de inefável qualidade. É Hans Zimmer. 






Uma  tarde de domingo, já com aromas de Outono.

Miosótis (pseudónimo)

fragmentos da noite com flores

28.07.2013
Copyright ©2013-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®
Licença Creative Commons

Sunday, July 14, 2013

Palavras como flores




©Foto: MC



Que palavra é o silêncio?
Que silêncio é esta voz
Que num soluço suspenso
Chora flores dentro de nós?
[...]

Natália Correia, Ricochete


Há dias em que me canso das palavras e me fecho em retiros de silêncios !



Corrida a cortina evanescente, desenrolo com um gesto ténue os pensamentos. E deixo fluir. Lentamente. Como quem vê a paisagem rolar.


Por nevoentos espaços eu vagueio nesta noite, e transfiguro o meu imaginário turbulento, inquieto. Ao som das pausas, rasgo caminhos equidistantes, buscando as sonoridades de minha alma.

Aromas de litanias vão chegando e me envolvem no mistério de meu ser. E poiso os pensamentos. Devagar.


Sei que a vida não chega para o sentimento. Apago então as estrelas que se atrevem a cintilar e calo a voz que na alma quer cantar.


Miosótis (pseudónimo)


fragmentos da noite com flores


13.07.2013
Copyright ©2013-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®


Licença Creative Commons