Monday, December 12, 2005

Intimité






Foto: Dolores Ochoa/AP

http:news.yahoo.com



«Je veux qu'ils vivent de confiance et d'intimité avec celui qu'ils aiment et qui les aime...»

Jésus Christ à Soeur Josefa


(Trouvé dans la petite église Trinità dei Monti, à Rome, en haut de l'escalier de la Piazza di Spagna, un samedi soir, le 20 novembre 2004.


Dans ma solitude, parmi la foule et la bruit, je suis montée là haut pour écouter mon âme en silence profond.

Sur le banc où je venais de m'asseoir, cette petite phrase était écrite sur un petit papier vert, juste à côté de moi. Un ange l'avait déposé!



Miosótis (pseudónimo)

©texto original


fragmentos da noite com flores, tempo de intimidade

12.12.2005
Copyright ©2005-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®


Licença Creative Commons



5 comments:

Pagan said...

Boa noite meu doce. Que bom saber que tens aqui um outro refúgio, belo e bem tratado, tal como o outro. Bom para mim, pois assim terei mais uma desculpa para estar pertinho de ti e tentar sentir-te um pouco mais. Beijos doces

Pagan said...

Vim desejar-te uma boa noite e dizer-te que nunca mais serás invisível. Beijos doces

miosotis said...

Obrigada... por vezes ñ sei se falas sério se apenas te "envolves" por qq motivo que desconheço. Mas é bom ler-te neste cantinho que consegue ser ainda mais intimista do que o Noitesdoamanhecer. É mesmo muito meu, este... Por isso, me tornei invisível!
bjs ternos (sentidos)

Pagan said...

Não minha querida. Não tenho motivos estranhos para me envolver, aliás, nem é um envolvimento mas sim o seguir de um instinto. Sinto-me bem só de pensar que existes. Beijos doces.

miosotis said...

Ñ pensei em motivos estranhos... apenas em motivos. Tb n sou convencida ao ponto de sentir q pudesses estar a envolver-te, sou humilde em meus sentimentos, embora exigente na qualidade. Instinto?! É irracional. Vou mais pelo "feeling"... sentires d'alma q ñ se explicam, mas q estão cá e se manifestam a cada instante!
Eu sinto-me aconchegada, qd vens até cá! Embora um pouco mais inibida... ñ sei! bjs ternos