Sunday, November 24, 2013

Tributo: John Kennedy e Caroline




Caroline Kennedy e seu pai John Kennedy
25 Agosto 1963 

Credits: JFK Library

Noite fria, silenciosa. Quase lastimosa. A dor de Caroline, menina, na sua alma de criança. Seu pai não voltará a abraça-la.

Percorro os espaços que os media partilharam ao longo de todo o dia de ontem. Fotografias inéditas, pessoais, família Kennedy.

Jardins de alegria, ternos aconchegos. Comoção profunda, embora, digam que 50 anos se passaram. Afectos estilhaçados.

Uma família dotada, defeitos, virtudes, como cada um de nós, valores, defesa causas humanitárias. União. Partilha. Felicidade. Crianças. 

Maldição? Desígnios que entristecem.

“What was killed in Dallas was not only the president but the promise. The death of youth and the hope of youth, of the beauty and grace and the touch of magic.”

James Reston, New York Times

Olhando as luzes lá fora, parecem-me melancólicas. Tristeza foi o sentimento maior que se abateu sobre o mundo. Naquele dia. E ontem.

Caroline. O abraço aconchegante, ternura partilhada, nada voltou a repetir-se.

" I don't remember my father reading to me, but I remember him telling me bedtime stories."

Caroline Kennedy

Miosótis (pseudónimo)

fragmentos da noite com flores

24.11.2013

Copyright ©2013-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com® 


12 comments:

Mar Arável said...

A vida por vezes é madrasta

heretico said...

frágil como o cristal dos dias ... passados!

beijo

Lune Fragmentos da noite com flores said...

Para esta família tem mesmo sido :-(

Grata, 'Mar Arável' !

Lune Fragmentos da noite com flores said...

Só podia ser frágil.

E depois há aqui um pouco da minha própria vida...

Beijo, 'Herético'

Cadinho RoCo said...

Existem ausências que marcam muito o nosso viver.
Cadinho RoCo

Suzete Brainer said...

Existem perdas,dores,saudades

que ficam,o tempo ajuda

organizar,transformar

mas nunca apagam...

Acredito que é melhor encarar,

aprofundar e sempre ficamos

fortalecidos,pois a fuga é

uma alienação que prejudica

a sensibilidade...

Muita paz!

Beijinho.

Lilá(s) said...

São perdas irreparáveis!
Bjs

JOTA ENE ✔ said...

Palavras muito bonitas, sem dúvida !!!

Lune Fragmentos da noite com flores said...

Definitivamente, Cadinho.

Bom -fim-de-semana!

Lune Fragmentos da noite com flores said...

Querida Suzete,

Muito obrigada pelo doce poema que me deixou.

Não, os seres partem, mas não, nunca nos deixam.

Vivem em nossa alma. E em paz, com o passar do tempo...

Lindo fim-de-semana, para si ! Muita paz.

Beijo

Lune Fragmentos da noite com flores said...

Sim, são... Lilás

Um bom fim-de-semana!
Beijos

Lune Fragmentos da noite com flores said...

Obrigada 'Jota' pela presença e pelas palavras amigáveis.

Foi um gosto!